Homem indiciado por morte de jovem negro é encontrado morto nos EUA

Jovem Pan

Jacob Gardner, 38, se envolveu em uma briga com James Scurlock, de 22 anos, e o matou com um tiro.

Jacob Gardner, 38, se envolveu em uma briga com James Scurlock, de 22 anos, e o matou com um tiro.

Jacob Gardner, indiciado pela morte de um manifestante negro, foi encontrado morto neste domingo (21) no estado do Oregon, nos Estados Unidos. Segundo seu advogado, Stuart J. Dornan, ele cometeu suicídio por estar com medo de se entregar às autoridades na próxima semana para ser julgado. “Ele estava morrendo de medo de voltar para cá porque achava que não teria um julgamento justo”, comentou ao The New York Times. Gardner, 38 anos, foi indiciado na última terça-feira (15) por quatro crimes, entre eles homicídio culposo e ameaças terroristas, após atirar em James Scurlock, de 22 anos, que participava de um protesto contra a morte de George Floyd na cidade de Omaha, em 30 de maio.

Fonte: Jovem Pan